Saiba tudo sobre o brasão da República do Brasil, um dos quatro símbolos nacionais


O brasão de armas da República, também conhecido como armas nacionais, brasão da República ou simplesmente brasão do Brasil, é um dos quatro símbolos nacionais. Ele representa a nossa pátria. Trata-se de um símbolo republicano, instituído por meio de decreto no dia 19 de novembro de 1889, por ocasião da Proclamação da República. Seu criador é o engenheiro e desenhista Artur Zauer.

brasão do brasil
O brasão de armas é um dos quatro símbolos da República Brasileira.

Sua importância é tanta que seu uso é obrigatório pelos três Poderes da República (Executivo, Judiciário e Legislativo), pelas Forças Armadas e está presente em vários prédios públicos, como os prédios dos governos federal, municipal e estadual. Também está presente nos quartéis das polícias.

O que é o brasão de armas da República?

O brasão de armas é um símbolo nacional republicano. Uma representação visual da nação brasileira. Seus elementos simbolizam valores e virtudes nacionais e representam o regime republicano nascente.

O brasão é formado, basicamente, por duas partes. A primeira delas é o escudo, que é a parte principal de todo e qualquer brasão de armas. A outra parte são os ornamentos exteriores: tudo aquilo que vai embaixo, aos lados ou mesmo em cima do brasão.

O que é um brasão?

Um brasão é um sinal, um emblema que identifica um grupo. Pode ser a insígnia de uma nação, família ou corporação. Os brasões de armas surgiram na Idade Média como símbolos de guerra atribuídos aos cavaleiros mais corajosos após campanhas militares.

Descrevendo o brasão da República do Brasil

No nosso brasão, o escudo é uma esfera azul, dentro do qual há a representação da constelação do Cruzeiro do Sul e por fora 27 estrelas prateadas. Atrás do escudo, há uma grande estrela verde e amarela de cinco pontas sobre uma espada em riste.

Nas laterais, há dois ramos: um de tabaco, outro de café. Embaixo, uma faixa com duas inscrições (as divisas). Por trás do escudo e de toda a ornamentação, há um resplendor de ouro de 20 pontas.

brasão de armas Batalhão de Caçadores Piauí
Brasão de armas na fachada do 25º Batalhão de Caçadores, em Teresina, no Piauí.

Elementos do brasão e seus significados

Vamos ver com calma o significado de cada elemento das armas nacionais?

Esfera azul-celeste

Em A História dos Símbolos Nacionais, uma publicação do Senado Federal, Milton Luz diz que a esfera azul-celeste já era usada na Roma Antiga simbolizando a soberania. Importante dizer que a esfera azul está em outros dois símbolos nacionais: a bandeira e o selo nacional. O azul também pode ser visto como representação do céu.

O Cruzeiro do Sul

A constelação do Cruzeiro do Sul é um símbolo usado não só pelos brasileiros, mas por outros povos que vivem no hemisfério sul. Não custa lembrar que esse conjunto de estrelas só pode ser visto do hemisfério sul. Representada no brasão pelas 5 estrelas no centro do escudo, a constelação faz parte da bandeira de países como Austrália e Nova Zelândia.

Também está na Bandeira do Brasil, nosso mais famoso símbolo nacional. É mencionado no nosso hino: "A imagem do Cruzeiro resplandece". Já reparou que o Mercado Comum do Sul (Mercosul) adota essa constelação como slogan?

Mercosul
Bandeira do Mercosul traz a constelação do Cruzeiro do Sul.

Saiba mais sobre o Cruzeiro do Sul: Constelação do Cruzeiro do Sul: conheça o conjunto de estrelas mais famoso do nosso hemisfério

27 estrelas prateadas

Em volta do escudo, compondo uma espécie de borda, há 27 estrelas prateadas. São as mesmas estrelas que aparecem na nossa bandeira e no selo nacional. Cada uma delas representa um dos 26 Estados da Federação e o Distrito Federal.

bandeira nacional
As 27 estrelas também estão presentes na bandeira nacional.

Estrela de 5 pontas

Segundo Milton Luz, a estrela de 5 pontas é uma das figuras mais usadas nos nossos símbolos desde a Independência. Já havia estrelas nas bandeiras anteriores à República, nas bandeiras de movimentos de libertação (como a Revolução Baiana) e elas continuam presentes nos símbolos atuais. No brasão, a grande estrela de 5 pontas, segundo Luz, "aparece como se fosse um manto, protegendo o escudo".

Resplendor de ouro

Diz Milton Luz que nos brasões da nobreza é comum que, por trás do escudo, haja um manto, simbolizando proteção. Claro que os republicanos, que tinham dado um fim monarquia, iam querer fazer algo diferente, não é mesmo? É por isso que nosso brasão de armas o manto foi substituído por outras duas figuras: a estrela (de que já falamos) e o resplendor de ouro.

O resplendor de ouro de 20 pontas, que pode ser descrito como uma grande estrela que emite um brilho intenso, é um símbolo de luxo, opulência, grandeza. Remete ao ouro, uma das nossas riquezas naturais.

Ramos de café e tabaco

Compondo a ornamentação do brasão, há dois suportes: à esquerda, um ramo de café com frutos, e à direita um ramo de fumo florido. São dois produtos agrícolas que representam nossas riquezas comerciais.

Espada em riste

A espada desembainhada e em riste representa heroísmo e bravura. A espada é símbolo do poder do Estado e das Forças Armadas.

Fita azul com as divisas

Parecem duas, mas na verdade, se repararmos bem, há apenas uma fita embaixo do escudo. Ela contém duas divisas: "República Federativa do Brasil" e "15 de Novembro de 1889" (a data da Proclamação da República). Divisas são frases que geralmente compõem símbolos, como brasões e bandeiras. Na Bandeira Nacional, por exemplo, há a divisa "Ordem e Progresso".

Gostou desse conteúdo? Então experimente ler este também:

Os 4 símbolos nacionais brasileiros: significado, história e curiosidades