Descubra os diferentes rankings das maiores cidades do mundo


Quando se fala das maiores cidades do mundo, normalmente leva-se em consideração somente a quantidade da população existente em cada aglomerado urbano. Sem dúvida que este é o ponto mais relevante, porém as grandes metrópoles também podem (e são) organizadas pelo tamanho do território e pela densidade da população.

Dependendo da perspectiva a ser considerada a lista das cidades fica completamente diferente, pois os parâmetros mudam conforme o ponto a que é dada a maior importância.

Os números globais

A cada 10 anos a Organização das Nações Unidas (ONU) realiza um censo mundial detalhado. O mais recente aconteceu em 2014. Neste relatório, previu-se que em 2050 a população do planeta terá atingido cerca de 9,8 bilhões de habitantes.

Em 2017, a população mundial atingiu 7,6 bilhões de pessoas, das quais 54% vivem em zonas urbanas. A previsão para as próximas décadas é que esta proporção suba ainda para 66%.

O que se leva em consideração para o ranking?

Segundo a ONU, para uma cidade passar a ser considerada uma mega-cidade, ela precisa ter mais de 10 milhões de habitantes. Em 1990, existiam 10 mega-cidades, em 2014 este número subiu para 28. Para 2030, espera-se que existam 41 mega-cidades. Para a contagem, convencionalmente leva-se em consideração a região metropolitana das cidades.

Todos os anos, o centro de estudos urbanos dos EUA (Demographia) publica o relatório “Demografia das Áreas Urbanas do Mundo", no qual apresenta os números das áreas urbanas mundiais mais populosas, com a superfície mais extensa e com a maior densidade populacional.

Para o relatório mais recente de 2017 foram analisadas um total de 1.746 cidades, tendo sido incluídas cidades com populações menos numerosas, com menos de 500.000 habitantes.

O estudo apresentou os seguintes rankings:

Top 10 cidades por população

Fonte: Demografia das Áreas Urbanas do Mundo (Demographia)
 Nº   País       Cidade       População EstimadaTerritório (km2)

Densidade Populacional (km2)

1JapãoTóquio37.900.0008.5474.400
2IndonésiaJacarta31.760.0003.3029.600
3ÍndiaDeli26.495.0002.20212.000
4FilipinasManila24.245.0001.78713.600
5Coreia do SulSeul24.105.0002.7458.800
6PaquistãoCarachi23.545.0001.01023.300
7ChinaXangai23.390.0003.8856.000
8ÍndiaMumbai22.885.00088126.000
9Estados UnidosNova York21.445.00011.8751.700
10BrasilSão Paulo20.850.0003.0436.900

Este é o critério mais levado em consideração para definir as maiores cidades. A maior parte da lista é ocupada por cidades asiáticas, havendo apenas uma latino-americana na décima posição, São Paulo.

Os 3 primeiros lugares permanecem inalterados em relação às listas anteriores, enquanto que Mumbai desceu duas posições e Seul e Manila inverteram os seus lugares em relação a 2016.

10º lugar: São Paulo (Brasil)

São Paulo

A maior metrópole brasileira é também o maior centro financeiro e corporativo da América do Sul. Levando ainda o título de cidade mais populosa do continente americano e do hemisfério sul. É uma cidade cosmopolita e possui moradores originários de 196 países diferentes.

A maior: Tóquio (Japão)

Tóquio

Pelas previsões da ONU, Tóquio permanecerá a maior cidade do mundo por muitos anos. Mas tecnicamente, Tóquio não é uma única cidade, ela é composta por 26 cidades primárias, 5 cidades secundárias e 8 vilas diferentes que constituem a Metrópole de Tóquio.

Top 10 cidades por território

Fonte: Demografia das Áreas Urbanas do Mundo (Demographia)
 Nº   País       Cidade       População EstimadaTerritório (km2)

Densidade Populacional (km2)

1Estados Unidos Nova York21.445.00011.8751.700
2Estados UnidosBoston7.265.0009.189800
3JapãoTóquio37.900.0008.5474.400
4Estados UnidosAtlanta5.240.0007.296600
5Estados UnidosChicago9.140.0006.8561.300
6Estados UnidosLos Angeles15.500.0006.2992.300
7RússiaMoscou16.710.0005.6982.900
8Estados UnidosDalas6.475.0005.1751.100
9Estados UnidosFiladélfia5.555.0005.1311.100
10Estados UnidosHouston6.155.0004.8411.100

Esta é a lista mais estável, já que a extensão das cidades varia bem menos do que as suas populações. Neste quesito os EUA é o principal país representado, ocupando 8 posições do ranking. Nova York é a maior cidade com 11.642 km2.

10º lugar: Houston (EUA)

Houston

O lar do Centro Espacial Lyndon B. Johnson e do Centro de Controle de Missões da NASA, Houston ainda abriga o maior conjunto de instituições de pesquisa médica do mundo, o Texas Medical Center.

A maior: Nova York (EUA)

Nova York

Dividida em cinco grandes áreas com estilos muito próprios (Bronx, Brooklyn, Manhattan, Queens e Staten Island), Nova York é um importante centro internacional onde está localizada a sede da ONU. Exerce influência sobre diferentes campos no mundo todo, desde finanças até tecnologia e entretenimento. Em seu território são falados cerca de 800 idiomas e é considerada a capital cultural do mundo.

Top 10 cidades por densidade

Fonte: Demografia das Áreas Urbanas do Mundo (Demographia)
 Nº   País       Cidade       População EstimadaTerritório (km2)

Densidade Populacional (km2)

1BangladeshDaca16.820.00036845.700
2SomaliaMogadishu2.425.0009126.800
3PaquistãoHyderabad3.065.00011726.300
4ÍndiaMumbai22.885.00088126.000
5ChinaHong Kong7.330.00028525.700
6ChinaMacau665.0002625.700
7ÍndiaSurat5.935.00023325.500
8SíriaAl-Raqqa790.0003125.400
9PaquistãoCarachi23.545.0001.01023.300
10ÍndiaVijayawada1.840.0008022.900

Tendo em conta que as cidade mais populosas estão na Ásia, as cidades com maior densidade populacional acabam por seguir o mesmo caminho. Dhaca, em Bangladesh, é a cidade com a maior quantidade de habitantes por quilômetro quadrado e excede em mais de 40% o número da segunda colocada, Mogadishu, na Somália.

10º lugar: Vijayawada (Índia)

Vijayawada

Localizada nas proximidades do rio Krishna, Vijayawada é onde está a barragem Prakasham. A cidade é ainda um importante centro de peregrinação hindu.

A maior: Daca (Bangladesh)

Dhaka

A cidade com maior densidade populacional é também conhecida por ser a “Cidade das Mesquitas”. Daca tem em média um aumento populacional de 4,2% ao ano, muito em decorrência da migração de pessoas oriundas da zona rural do país.